a
HomeMaternidadeNovembro Roxo: nascimentos prematuros são lembrados em campanha
Novembro Roxo
Novembro Roxo
s

Novembro Roxo: nascimentos prematuros são lembrados em campanha

Você conhece o Novembro Roxo, campanha que acontece anualmente em vários países?

Nem todo mundo sabe, mas esse importante movimento tem como origem o Dia Mundial da Prematuridade, celebrado sempre em 17 de novembro.

A data busca chamar a atenção da sociedade para a causa dos bebês prematuros, discutindo medidas para prevenir o parto antecipado e caminhos para que essas crianças e suas famílias recebam todo o suporte para ter mais qualidade de vida.

Novembro Roxo

Novembro Roxo marca o mês internacional de sensibilização para a prematuridade

Se você nunca ouviu falar no Novembro Roxo, não se sinta mal, pois se trata de um movimento relativamente novo. A data foi criada há pouco mais de 10 anos, durante as reuniões de uma fundação europeia voltada para o cuidado de recém-nascidos.

O intuito é o mesmo de campanhas já bastante conhecidas, como Outubro Rosa e Setembro Amarelo: chamar a atenção da população, da mídia e dos órgãos públicos para a relevância de uma causa.

No caso do Novembro Roxo, o que se busca é discutir formas de prevenir os nascimentos antecipados e de melhorar os cuidados com esses bebês e suas famílias.

Novembro Roxo

Por que alguns bebês nascem prematuros?

São considerados prematuros os bebês que nascem após as 20 semanas e antes das 37 semanas de gestação. Algumas das possíveis causas para esse nascimento antecipado, segundo estudo do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), são falta de cuidados pré-natais, gestação na adolescência, tabagismo e desinformação.

Essas crianças, ao virem ao mundo antes do tempo, enfrentam suas primeiras batalhas logo após o nascimento. Como, por alguma razão, elas não puderam ser completamente gestadas na barriga da mãe, podem ter dificuldades para respirar, se alimentar e manter o corpinho aquecido.

E essa batalha é mais comum do que se imagina: no mundo, um em cada 10 bebês nasce com menos de 37 semanas. A situação aqui no Brasil preocupa ainda mais, já que somos o décimo país no ranking mundial da prematuridade – são 340 mil bebês prematuros todos os anos, o que equivale a 931 por dia.

Novembro Roxo

Cuidado redobrado para os prematuros

A prematuridade preocupa e exige cuidados redobrados com o recém-nascido, já que algumas complicações podem deixar sequelas – algumas delas irreversíveis.

Mas vale lembrar que as complicações relacionadas ao nascimento antes da hora não são uma regra. Alguns bebês têm condições de serem atendidos e irem para casa sem danos à saúde. Outros saem do hospital com sequelas e precisam continuar com os cuidados médicos.

Portanto, o importante é que, em todos os casos, os prematuros recebam assistência adequada desde o início, aumentando as chances de sobrevivência e de um crescimento com mais qualidade de vida.

Novembro Roxo

Dicas para mães de bebês prematuros enfrentarem a fase hospitalar

Infelizmente, é bem comum o bebê que nasce antes da hora ficar internado no hospital por um longo período – geralmente ele é proporcional ao tempo mínimo que deveria ter ficado na barriga.

É uma situação bastante difícil para a família, principalmente para a mãe, que é privada da experiência de levar seu filho para casa ao receber alta após o parto.

Novembro Roxo

Alguns caminhos podem ajudar a ter mais serenidade e enfrentar essa fase tão delicada:

  • Suporte emocional: aceite ajuda de família e amigos e buque apoio emocional. Você está dando o seu melhor, mas os dias no hospital podem ser muito duros e ninguém é de ferro. Muitos hospitais e serviços de saúde dispõem de atendimento psicológico para dar suporte em casos assim.
  • Leite materno: se não for possível amamentar, converse com a equipe médica para que o bebê receba o leite materno de outra forma. Ele é o melhor alimento para qualquer bebê e tem ainda mais importância para os prematuros. O leite materno diminui o risco de infecção, melhora o sistema imunológico, ajuda a prevenir o aparecimento de doença pulmonar crônica e contribui para o alívio da dor e do estresse do recém-nascido.
  • Método Canguru: por falar em leite materno, o estímulo ao aleitamento é um dos inúmeros benefícios dessa técnica. Nela, o bebê é colocado em contato pele a pele com a mãe ou o pai. O toque carinhoso ajuda a criar vínculo com as pessoas que mais amam o bebê <3. O Blog Grão de Gente tem posts para você saber mais sobre o Método Canguru.

Novembro Roxo

Está vivendo essa situação? Desejamos que você encontre o seu jeito de lidar com essa fase delicada da melhor forma e que logo logo você e seu bebê estejam em casa, bem e felizes!

Leia mais:

O que é o Método Canguru?!

Composição do leite materno do prematuro é diferente

Cigarro na gravidez aumenta risco de parto prematuro

Compartilhe:
Classifique este artigo

Blog Grão de Gente é um bate papo diário sobre o mundo da maternidade! O Blog da maior loja virtual de enxoval e decoração para quarto de bebê do Brasil.

redacao@bloggraodegente.com.br

Sem comentários

Deixe um comentário