a
HomeMaternidadeDicas – de tudo um pouco!Emagrecer no pós-parto é mais fácil do que você imagina
emagrecer no pós-parto
emagrecer no pós-parto
s

Emagrecer no pós-parto é mais fácil do que você imagina

Após o bebê nascer, boa parte das mulheres sonha em voltar ao antigo corpo o mais rápido possível. A boa notícia é que emagrecer no pós-parto pode ser mais fácil do que você imagina. A nutricionista Clarisse Corbelini, do Alô Mamãe, conta que a perda de peso após o parto acontece naturalmente devido às adaptações fisiológicas do corpo da mulher.emagrecer no pós-parto

“Durante a gestação o corpo da mulher armazena em torno de 3kg de gordura como reserva de energia para a amamentação, que é um período no qual ocorre um maior gasto calórico – cerca de 600 a 800 cal/dia”, explica a nutricionista.

 

Para emagrecer no pós-parto, amamente!

A amamentação é uma grande aliada das mulheres que querem emagrecer no pós-parto. A amamentação e a produção de leite fazem a mulher perder calorias. A produção de aproximadamente 850 mililitros de leite por dia gasta em média 750 kcal.

A nutricionista Clarisse Corbelini diz que essa perda de peso se dá gradativamente até um período de seis meses após o parto.

E mais: Clarisse explica que o emagrecimento pode ser potencializado quando associado a uma atividade física. É importante ressaltar que a prática de exercícios físicos só deve ser iniciada após a liberação médica. Além disso, durante a atividade física, é essencial contar com o acompanhamento de um profissional.

 

Sentir mais fome é normal!

Apesar de ser um período favorável para emagrecer, é muito comum sentir mais fome no pós-parto. “Isso acontece devido à demanda de energia causada no período da amamentação. O corpo da mulher precisa de mais energia para a produção de leite e para a amamentar”, afirma a nutricionista do Alô Mamãe.

De acordo com a profissional, as mulheres precisam tomar cuidado para não ingerirem alimentos com baixo valor nutricional. Para ter uma alimentação balanceada e, consequentemente, emagrecer no pós-parto, é importante que a mulher priorize alimentos mais naturais e orgânicos. Produtos industrializados, com corantes e conservantes devem ser evitados pelas lactantes.

“Não é indicado dietas e restrições alimentares muito severas, mas algumas intervenções nutricionais orientadas por um nutricionista podem ser feitas”, esclarece Clarisse.

 

Clarisse Corbelini

Nutricionista

CRN10 2580

 

Sobre Alô Mamãe:

O Alô Mamãe é um serviço de assinatura de orientação e informação em saúde para gestantes e mamães de bebês. É um canal disponível 24 horas por dia para as mamães tirarem dúvidas sobre a gestação e os cuidados com seu bebê. O atendimento é feito por uma equipe multidisciplinar formada por médicos, enfermeiras, nutricionistas e educares físicos que fazem o acompanhamento da saúde da gestante/mãe e do bebê. Além disso, a equipe de saúde entrará em contato para fazer o acompanhamento durante toda esta fase de gestação e pós-parto. O objetivo não é substituir as consultas e o acompanhamento médico, mas sempre estar à disposição para responder as dúvidas das assinantes.

Compartilhe:
Classifique este artigo

Blog Grão de Gente é um bate papo diário sobre o mundo da maternidade! O Blog da maior loja virtual de enxoval e decoração para quarto de bebê do Brasil.

redacao@bloggraodegente.com.br

Comentário
  • Na verdade eu não amamentei, mas emagreci tudo que engordei na gestação logo após o nascimento do meu filho.
    Eu já engravidei acima do peso, engordei um total de 9 kg e logo apos o nascimento já havia perdido.

    Outro detalhe é que eu não sentia nada de fome.

    16 de outubro de 2016

Deixe um comentário