a
HomeGravidezAmamentaçãoO que fazer quando o bebê não pega o peito?
bebê não pega o peito
bebê não pega o peito
s

O que fazer quando o bebê não pega o peito?

Cheia de desafios, a maternidade pode pegar muitas mulheres de surpresa logo após dar à luz. Uma delas é quando o bebê não pega o peito, situação que pode deixar as mamães frustradas e, às vezes, sem saber o que fazer. 

Esse foi o caso da cantora Marília Mendonça, que revelou ter passado dificuldades após sofrer com a recusa do primeiro filho, Léo. “Eu tive leite, porém ele não quis. Acho importante expor as verdades da maternidade que ninguém me expôs”, explicou em suas redes sociais. 

Na sequência, uma seguidora especulou se o motivo seria o bico do peito e a famosa respondeu. “Pode ser, mas acredito que seja uma série de fatores que independem de mim. Ele simplesmente não se adaptou…”, completou.

bebê não pega o peito

Marília Mendonça e o pequeno Léo no dia do seu nascimento.

Para entender melhor sobre o assunto, conversamos com especialistas e reunimos orientações valiosas!

Confusão de bicos: por que o bebê não pega o peito?

A enfermeira especialista em amamentação, Sandra Abreu, esclareceu que alguns bebês realmente nascem sem o reflexo de sucção e outros (a maioria), nasce com esse reflexo natural, mas não sabem ordenhar o peito da mãe. 

“Em ambos os casos, eles precisam de ajuda especializada para lhes ensinar, pois mãe e bebê devem aprender juntos a vencer esse primeiro desafio da maternidade”, disse.

Sandra afirma que um dos principais fatores da recusa do peito é a confusão de bicos. Esse termo é utilizado para explicar a dificuldade que algumas crianças têm em continuar o aleitamento materno após sugarem algum tipo de bico artificial como chupetas e mamadeiras. 

Essa alternância entre as duas formas envia uma mensagem errada ao cérebro do pequeno, causando confusão no momento de mamar.

bebê não pega o peito

Outras causas

Conversamos com a doula Duda Magalhães, que ressaltou a interferência que a cirurgia de redução de mamas também pode causar na produção do leite.

“Ela pode comprometer o sistema de amamentação parcialmente. Quando a mulher não produz leite o suficiente, ela pode optar por amamentar e complementar com a fórmula infantil até o bebê se sentir saciado”, explicou, exaltando a importância do leite materno na nutrição da criança.

máscara para amamentar

Confira outros motivos que atrapalham quando o bebê não pega o peito:

  • Posição inadequada;
  • Prematuridade;
  • Anomalia ou deficiência do bebê (física ou psíquica);
  • Deformação ortofacial ou problema respiratório sério; 
  • Mudança do gosto do leite (geralmente causada por uso de cremes, cheiros fortes ou mudança na dieta);
  • Linguinha presa (a correção acontece por meio de um procedimento muito simples).

E se o bebê não pega o peito de jeito nenhum?

Quando o bebê não pega o peito de nenhuma forma, a recomendação das especialistas é ordenhar o leite para que a criança tenha os inúmeros benefícios que somente o leite materno traz. Em último caso, o pediatra pode receitar o uso de fórmulas.

Vale reforçar que é necessário buscar ajuda especializada, o mais rápido possível. Seja por meio de consultoria particular, em bancos de leite ou pediatra amigo da amamentação, é fundamental verificar o que pode estar acontecendo para tentar solucionar.

ordenha-1

Para ter sucesso com a pega correta

Parece inacreditável, mas estar com a mama cheia é um dos primeiros fatores que pode atrapalhar na amamentação. Por isso, é necessário que a mamãe faça massagem ao redor do seio junto ao famoso “shake” (ato de balançar a mama para facilitar a saída do leite). Confira outros fatores fundamentais para a pega correta:

  • Observe a posição que o bebê está. Verifique se ele está totalmente virado para você ou se está torto/mal acomodado;
  • Veja se ele está com a boca bem aberta, abocanhando a maior parte da aréola e com os lábios voltados pra fora, parecido com “boca de peixinho”.;
  • O rosto do pequeno deve estar virado para a mama, com a boca o mais aberta possível e nariz livre;
  • Os lábios dele devem estar virados para fora e o queixo encostado na mama;
  • Covinha na bochecha e barulho ao mamar indicam pega incorreta e ingestão de ar (use o dedo mindinho para descolar o cantinho da boca do bebê do mamilo);
  • A dor no mamilo e o bebê chorando também são sinais de alerta.

bebê não pega o peito

Para a mamãe prestar atenção

É importante que as mamães estejam sempre hidratadas para a produção do leite. Amamentar em livre demanda e espremer um pouco de leite na boquinha antes da mamada pode ajudar, lembrando que não é saudável forçar o bebê a mamar. 

Há crianças que sugam melhor quando estão com sono. Por isso, não desista! Espere o bebê se acalmar e tente novamente. 

bebê não pega o peito

Confie em você! 

Fique à vontade e relaxada com o seu amor! Por mais que ouça informações de que o seu leite é fraco, acredite que você é capaz de amamentar! Mulheres com mamilo invertido, prótese de silicone, com peito grande ou pequeno também conseguem. E lembre-se: o bebê não mama no mamilo, ele mama na aréola!

bebê não pega o peito

Leite materno: o melhor alimento do mundo

Padrão ouro! Essa é a definição do melhor alimento do mundo: o leite materno. Somente ele pode oferecer os nutrientes e anticorpos que o bebê necessita de forma completa. Ele é perfeito e sempre será a melhor opção!

Para saber mais, dá o play no vídeo abaixo com dicas valiosas sobre massagens, ordenha, mamilos rachados, tipos de leite e muito mais!

Leia mais:

15 modelos de Almofadas de Amamentação para se apaixonar!

Tchau, dúvidas! Confira 10 vídeos sobre amamentação no Youtube

20 Mitos e Verdades sobre amamentação

Compartilhe:
Classifique este artigo

Blog Grão de Gente é um bate papo diário sobre o mundo da maternidade! O Blog da maior loja virtual de enxoval e decoração para quarto de bebê do Brasil.

redacao@bloggraodegente.com.br

Sem comentários

Deixe um comentário